sábado, 31 de janeiro de 2009

Até porque por trás da comédia existe o drama

Por trás da comédia existe o drama
por trás do drama existe a comédia
existem dois por trás do outro
que são o outro por trás do outro

Enquanto a alegria tem uma supeficialidade nela
a tristeza tem uma profundidade nela
como o ditado que diz que
por trás de um tigre velho
existe um dragão escondido

um velho tigre
um dragão
por trás
de uma canção
sempre tem o momento que a fez

as pequenas interligações e sensações
positivas ou negativas
que se fundiram
no fazer da poesia
fizeram a música

some tudo da areia com o mar
siga o mar e veja a areia lá dentro
veja o momento em que os dois se tocam
e alguns grãos não mais voltam

tem os que ficam e o mar que vai
tem os que vão e o mar que fica
somos um vão entre a vida e a morte
somos a sorte de um foi por pouco

Um:Ah,se não fosse aquela mão
somos um vão
aquele braço puxando
a ponto de ir pra vala
a vala some

o ponto finaliza sem ser ponto final
sem ser fatal o ponto esfria
a faca fia,o gato mia
a vida via pra vida
a vida via pra dar
mais vida

3 comentários:

Guerreiro disse...

Nossa, sua poesia é profunda. Machuca, transgride meu sentimento. É melhor eu ficar, por hoje, só em "Até porque por trás da comédia existe o drama", é belíssima e forte.
Ir pra cama e pensar... pensar... e sonhar...com o mar... a areia... com o amigo Álvaro poeta.
Dizem que todos tem um pouco de poesia dentro de si. Eu tenho. E meu comentário talvez não escrito, mas sentido em forma de poesia. Fui mas volto. Abraço Forte grande poeta!

Álvaro disse...

Maravilha,guerreiro!!!
Estou vendo que temos coisas em comum,e talvez tenhamos uma bela amizade!!

Guerreiro disse...

Cada vez que entro por aqui e leio uma poesia sua, mais ainda gosto do que escreve, mais gosto de você, mais tenho a convicção que essa amizade bonita não vai permanecer só nas telas de um computador. Mais desejo que voce, poeta querido, seja muito feliz!